Na Hora H

MORRE O ATOR E BAILARINO ZEZO SILVA

O ator e bailarino Zezo da Silva, 62 anos, foi assassinado na manhã desta sexta-feira (5), no bairro de Cidade Alta, Zona Leste de Natal.

De acordo com informações colhidas no local, ele teria retornado à sua residência após uma reunião na Capitania das Artes, por volta das 8h30, acompanhado por outro homem. Pouco tempo depois, segundo vizinhos, foram ouvidos gritos de socorro. Mas ninguém atendeu aos chamados. Somente no início da tarde alguém resolveu tomar alguma atitude para verificar se o ator estava bem.

Um morador próximo arrombou a porta e, ao entrar na residência, encontrou Zezo da Silva morto, com perfurações no corpo e uma chave de fenda ao lado. O Itep esteve no local para recolher o corpo e a Polícia Civil deu início às investigações para encontrar o suspeito e tentar elucidar o crime. Um parente que preferiu não se identificar disse, no local do crime, que Zezo pode ter sido vítima de latrocínio. Segundo esse familiar, o ator teria recebido uma herança e falava abertamente sobre o dinheiro. Zezo da Silva era muito conhecido em Natal e tinha mais de 40 anos de carreira.

Zezo tinha mais de 40 anos de carreira artística. Era professor de balé da Capitania das Artes. Trabalhou ao lado de ícones dos palcos potiguares, como o diretor Jesiel Figueiredo. Foi professor, coreógrafo e bailarino Roosevelt Pimenta. Também foi um dos precursores do Teatro Revista no RN, que mesclava sátira de costumes, números musicais e vedetes. Desde 2016, apresentava o show “Cabaret”, musical onde atuava e dirigia.

O artista deixa dois irmãos e três irmãs.

Lamentamos a barbaridade com um artista e amigo. Solidariedade à família.

 

Com informações da Tribuna do Norte e do OP9

To Top