Na Hora H

MAIS RN, DA FIERN, É APRESENTADO AOS DIRIGENTES DOS CREAS DOS ESTADOS DO NORDESTE

O Programa Mais RN foi apresentado na 4ª Reunião do Fórum dos Presidentes dos CREAs (Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia), realizada em Natal, nesta sexta-feira. Na ocasião, também teve início o diálogo sobre possíveis parcerias entre os Sistemas FIERN e CREAs nas plataformas e projetos que são executados atualmente por intermédio do Mais RN.

“Apresentamos as bases nas quais desenvolvemos o Mais RN e o amplo campo aberto para uma cooperação com o Sistema CONFEA (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia) e CREAs na construção do crescimento regional com sustentabilidade”, afirmou o coordenador do Mais RN, José Bezerra Marinho.

“Além de apresentarmos as contribuições ao Estado que a FIERN tem assegurado com o Mais RN, também iniciamos esse diálogo sobre o que podemos fazer em conjunto, até porque essa é a ideia do programa, ao se constituir como um integrador de esforços da iniciativa privada com entes públicos e os centros geradores de saber, colocando tudo isso em função de um objetivo comum, que é o desenvolvimento econômico e social com sustentabilidade ambiental”, acrescentou.

Marinho destacou a importância do protagonismo da iniciativa privada. “Com nossa participação e a interlocução que tivermos, ficamos confiante de que nossa mensagem foi percebida no sentido de que a linha de construção não e só do empresário, é também da iniciativa privada, mas precisa ter a adesão das instituições públicas e de todos que tiveram interessados em pensar o crescimento da região” destacou.

O assessor técnico de Economia e Pesquisa da FIERN, Pedro Albuquerque disse que, durante a palestra para os dirigentes dos CREAs, foi informado que o Mais RN tem 60 indicadores disponíveis para consultas online.

“Esses indicadores retratam a situação econômica e social do Rio Grande do Norte, em áreas como segurança e educação, ou seja, faz uma radiografia do Estado, além de elencar projetos estruturantes para o futuro. Isso foi mostrado com um reforço ao convite para se discutir agendas conjuntas e pautas comuns em torno do desenvolvimento econômico”, ressaltou.

Fonte: Portal Grande Ponto

To Top