Na Hora H

SITUAÇÃO CRÍTICA EM SP

O Hospital Albert Einstein, em São Paulo, fechou para atendimentos aos pacientes com covid-19 devido à situação crítica em que se encontra, com superlotação de pessoas infectadas.

Nesta sexta-feira (26) o hospital anunciou que chegou em sua ocupação máxima, com cerca de 104% de lotação, os pacientes agora deverão esperar atendimento por uma fila de espera.

O alto índice de procura acontece devido ao aumento de internações pela covid-19, porém, há pacientes que buscam o hospital procurando tratamentos para outras enfermidades. O hospital aguarda que os paciente presentes na lista de espera sejam atendidos logo, pois com a alta de outros pacientes e o reorganização de leitos em sua unidade, poderá abrir espaços para atendimentos futuros.

Com informações do iG

To Top